sábado, junho 25, 2011

PostHeaderIcon Aventura deliciosa

Aproveitei a deixa de meu marido e propus que ele me deixasse em Caraguatatuba enquanto trabalhava no litoral norte e fosse me buscar no final da tarde. Eu ficaria com a Ana Maria o dia inteiro.
Depois de perguntar para a Ana se ela estaria em casa recebi uma advertência: Não vá me decepcionar!
No final, esse projeto não deu certo. Meu marido não precisou ir.
Resolvi ir de ônibus e o maridão deu a maior força. Organizei a casa e os bichos com a Maria e feliz da vida, telefonei para a Clô:
-Vou de ônibus para Caraguá ver a Ana, amanhã cedo!
Ela falou para o marido que estava na sala e ele, de cara:
- Por que vc não vai também?
Resolvido! Comprei as passagens.
No dia seguinte, às 7 da matina passei na casa dela e fomos para a Rodoviária.
Ao se despedir de mim o maridão disse:
- Bem, vocês vão ter cãibras nas linguas de tanto falar, não vão?
Pegamos o ônibus e falando, sem parar chegamos em Caraguá. A alegria da Ana ao ver a Clô valeu a viagem! Muitos abraços e risos e conversas sem fim. Passeamos pelas praias e comemos um peixe delicioso e nos melamos na sobremesa bem feita.
Passamos na casa da Mãe da Ana e lá, além do carinho inesperado de duas lindas vira-latas, recebemos a acolhida gentil e alegre dela, que nos fez café e não queria que partíssemos.
Todavia, era tarde, na casa da Ana pegamos os casacos e rumamos para a Rodoviária e de lá, para casa.
- A noite cai depressa nessa época do ano, não é? Disse Clô.
De fato, tomamos o ônibus às 17:40h e às 18, no inicio de nossa jornada já estava escuro.
Cheguei por volta das 21 horas, cansada, com um pouco de fome e muito feliz.
Depois do banho de quase uma hora, dormi o sono dos justos e só saí da cama às 11 da mahã.
Uma grande experiência. Uma viagem deliciosa. Recepção ótima e carinhosa. Retorno tranquilo. Companheira de viagem perfeita.
Recebi, ainda no ônibus, recado do Marido da Clô: diga para a Elza não inventar mais nenhuma ...
Resposta: hoje, eu prometo!
Enviei e.mail para a Eliana perguntando se ela nos deixa assistir à Parada Gay da janela do apartamento dela, no domingo kakakakakakak
Bjs. Elza
segunda-feira, junho 20, 2011

PostHeaderIcon A vida é bela


Isso mesmo, estou parodiando o nome daquele filme, mais para dizer que não tenho comparecido aqui para deixar minhas impressões e meus pensamentos por absoluta falta de tempo e, porque tenho me ocupado do real.
Tenho me dedicado a mim mesma. Saido com amigas, tratado dos bichos, e cuidado do marido, sendo que a cada dia uma coisa diferente acontece: ou audiência, ou prazo judicial, telefonemas de pessoas diferentes, tapete para terminar de bordar, feridas no Baltazar que não cicatrizavam, falhas no pelo da Thelma Louise, dente quebrado e marido pedindo cafuné...
Como sou uma só, acabei deixando esse canto abandonado. Achava que não tinha nada para postar, mas, de fato, o tempo andou escasso.
Ontem eu fui devolver um filme no video e peguei outro, por acaso, apenas porque o ator é Colin Firth, aquele do Discurso do Rei.
Pois bem, um professor homossexual que tem relação estável com um parceiro por 16 anos se vê só, em decorrência da morte repentina do outro num acidente de carro. A partir daí as cenas, o desenrolar da história e as interpretações de todos os atores são apenas perfeitos. Nada em excesso. Nada fora do lugar. Sentimentos tratados com delicadeza e respeito.Vale a pena assistir.
Gostei de DIREITO DE AMAR, um filme de Tom Ford e recomendo.
Bjkª. Elza

Thelma Louise

Thelma Louise
Minha gatinha querida

Pesquisar este blog

Perfil

Elza Maria sempre em busca de respostas. Paradoxal, curiosa, inteligente, crítica, observadora, sentimental, habilidosa, amorosa, sensível, disciplinada e um montão de outras coisas. Ser humano normal, comum, mediano, mas que gosta de escrever e está no quarto blog.

Arquivo do blog

Atualizaçoes

Seguidores

Miau

Get the Maukie - the virtual cat widget and many other great free widgets at Widgetbox!

Passaram por aqui

Créditos

Template: Meiroca.com
Foto: Silvia Perutti