domingo, outubro 14, 2007

PostHeaderIcon Peripécias, a sequência





Ao chegarmos em casa fomos recepcionados pela minha amiga cachorreira que catou a pequena e levou para a casa dela. A baixinha se espalhou com a Brigitte, Sofia e passarinhos. Quando fui buscá-la, estava se divertindo e muito com a bicharada, inclusive o Pai dela.

Tentei acomodar os meus bichos, mas não foi possível, por muito tempo. A Thelma se encheu de ciúmes e a pequena, adorou correr atraz daquele bicho diferente. Flagrei as duas brigando e a Thelma dando uma patada na outra. A Thelma provocava a pequena e corria para cima da mesa de vidro. A pequena ficava louca, é claro!

Nem sei como, consegui acomodar a tropa e fomos para dormir. A pequena tomou posse da cama do Baltazar e ele, veio deitar-se comigo. Thelma sumiu! Ninguém conseguia dormir tal o cansaço. Apaguei por umas 3 horas e acordei com a pequena uivando.

Tratei de pegá-la no colo e me deitei com ela e o Baltazar noutro canto. Deixei o maridão na cama. Ele precisava mais de descanso do que eu, já que, enfrentaria muitos quilômetros de estrada na direção do carrinho...

Por volta das 9 horas saímos, outra vez, para Belo Horizonte. Nossa pequena, presente de dias das crianças para dois meninos de 8 e 5 anos, precisava chegar no dia 12, sem falta.

O cansaço era tanto que eu cochilava de olho aberto! A pequena não deu trabalho. Deitou-se debaixo do banco do motorista e dormiu. Acordou uivando. Tomou água, comeu um pouquinho de ração, deitou-se debaixo do meu banco e dormiu e assim foi a viagem toda. Descemos com ela no Graal perto de BH. Ela andou somente no perímetro da toalha que levei para ela. Latiu num cachorro que apareceu por lá e fez o maior sucesso.

Chegamos em BH por volta das 17:30H e os pais dos novos donos foram buscar a bonitinha. Ela se jogou para eles. Adotou os dois na hora que os viu. Brincou com eles e uivou bastante. O Cadu lhe deu comida e a Érica, água. Ficaram íntimos em minutos.

Esse casal nos levou de presente algumas empadinhas deliciosas. Nosso jantar, devorado em segundos, acompanhado de leite. Estávamos com um mero sanduiche no estômago, até então.

Eram 20:30h e resolvi "dar uma olhadinha" na cama... acordei às 8:30h ... Maridão dormiu quase tanto quanto eu.

Daí para frente a viagem ficou prosaica e comum. Voltei de ônibus e estou muito cansada. Vou dormir. Bjkª. Elza que não conseguiu localizar a foto da pequena para postar e só conseguiu depois de mexer eu todos os arqu8ivos para descobrir onde as fotos estavam...

4 comentários:

Kith disse...

Nossa, amiga.
Isso não foi uma viagem - foi uma maratona.
Espero que você tenha conseguido descansar.
Beijos

Blog do Beagle disse...

Kith, ainda estou passda com a experiência. O pior é que os prazos não esperam. Ainbda estou muito cansada. Bjkª. Elza

Casal vinte e um e meio!!! disse...

Nossa, sedentário como sou, me cansei só de ler essa maratona, parecia mais a volta da pampulha, rsrsrsrs.

Essa história me lembra quando morava com meus pais e chegou a Mel, uma poodle, substituta (se é que podemos dizer isso), da Kika, outra poodle que morreu no parto. História muito parecida, foi uma maratona mesmo. rsrrs.

Agora são três lá na casa dos meus pais. Engraçado, não sou muito fã de cães não...

abraço.

Blog do Beagle disse...

Adorei a denominação casal 21 e 1/2 kakakakaka. Adoro bichos e preciso deles para me fazer companhia. Um ser humano não me suportaria kakakaka ... Bjkª. Elza

Thelma Louise

Thelma Louise
Minha gatinha querida

Pesquisar este blog

Perfil

Elza Maria sempre em busca de respostas. Paradoxal, curiosa, inteligente, crítica, observadora, sentimental, habilidosa, amorosa, sensível, disciplinada e um montão de outras coisas. Ser humano normal, comum, mediano, mas que gosta de escrever e está no quarto blog.

Arquivo do blog

Atualizaçoes

Seguidores

Miau

Get the Maukie - the virtual cat widget and many other great free widgets at Widgetbox!

Passaram por aqui

Créditos

Template: Meiroca.com
Foto: Silvia Perutti